Palavra que transforma
flivotuporanga.com.br

NOVIDADES

07/08/21

Sexta-feira no Fliv tem show de Luedji Luna e intensa programação infantil

Evento também contará com bate-papo para todas as idades, oficinas e contação de histórias

 

A cantora baiana Luedji Luna e o MC Zudizilla apresentam um show inédito nesta sexta-feira (6/8), às 21h, no Festival Literário de Votuporanga. A live pocket encerrará o segundo dia do Fliv on-line com faixas do EP “Mundo” e o mais recente single em conjunto “Proveito”, e também releituras de artistas que são referência na carreira dos dois.

Outro destaque do segundo dia do Fliv é o bate-papo “O ontem, o hoje, o agora – (Sankofa)”, que tem como homenageada Conceição Evaristo, e contará com as escritoras convidadas Julie Dorrico e Ellen Lima. A ideia do encontro às 19h30 é propor um diálogo entre os saberes dos povos originários e afrodescendentes e refletir o presente-passado-futuro, tempos não lineares e as influências de suas escritas para a construção de um mundo plural.

Já iniciando o dia, às 8h, será realizada a oficina “Escrita criativa – destravando a escrita”, com Anderson Novello. Às 11h, será a vez da oficina “Arte da dança: jazz iniciante e intermediário”, com Amanda Cunha, Amanda Gratão e Camila Covre. Às 15h, Eva Moreira e Maurício Fuscaldo realizam a oficina “Musicalização: jogos dos copos”.

O período da noite será marcado por música. A banda Acústico 2M’s se apresenta às 18h no palco do Fliv. Em seguida, Ticko B-boy realiza a oficina “Danças urbanas”, que será seguida da “Batalha de rima”, com Vinícius Rocha.

Durante toda a programação, o público poderá conferir as surpresas literárias, com Adriana Couto; e a exposição “OSGEMEOS: Segredos”, da Pinacoteca de São Paulo, museu da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo.


Flivinho 

A primeira atração do Flivinho será “Rapunzel na quitanda”, com a Cia. Polichinelo, às 8h. Em seguida, o mágico Giovanni Bright apresenta um espetáculo imperdível para as crianças. “Pintura com canudo”, com Cristina Okoti, Eliana Pavani e Rosicler Dourado, será a próxima atividade às 9h30. Seguindo a programação, Gigio Mantovani conta as “Lendas do Folclore Brasileiro”, às 10h, enquanto no mesmo horário Adriana Reis realiza a oficina “Arte em feltro”. Encerrando as atividades da manhã, às 10h30, terá contação de histórias com a Cia. Polichinelo.

No período da tarde, às 13h, as crianças assistirão ao espetáculo “Cartas de um menino viajante”, com a Cia. Polichinelo. Em seguida, às 14h, será promovido o “Sarauzim”, com Rodrigo Ciríaco Coletivo Mesquiteiros; e no mesmo horário o mágico Volckane apresenta o espetáculo “Viagem ao mundo da ilusão”. O segundo dia do Flivinho será encerrado com contações de histórias, às 16h, com a Cia. Polichinelo.

Para ficar por dentro de todas as novidades do festival, inscreva-se no canal Youtube.com/flivvotuporanga e siga as redes sociais @flivotuporanga. O Festival será transmitido na íntegra pela plataforma do Governo do Estado de São Paulo #CulturaEmCasa, que lançou neste mês um aplicativo, já disponível nas lojas Apple Store e Google Play para Iphone e Android, para facilitar o acesso à cultura na palma da mão.

 

Realização

A 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga será realizada pela Prefeitura de Votuporanga juntamente com o Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo. Os apoiadores são: Organização Social Amigos da Arte, Poiesis Instituto de Apoio à Cultura e a Literatura, Pinacoteca do Estado de São Paulo, Museu da Imagem Som e Museu Casa das Rosas. Patrocinadores: Facchini, Starb, Unifev, Cantoia e Figueiredo, Astra Turismo e Flash Net Brasil. Promoção: TV TEM.

04/08/21

Fliv começa nesta quinta com show e muita cultura

A abertura oficial do evento on-line será às 19h e transmitida pelas redes sociais


A 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga (Fliv) começa nesta quinta-feira (5/8), a partir das 8h, e segue até domingo (8/8), aniversário de 84 anos da cidade. Toda a programação poderá ser acompanhada pelas redes sociais do evento on-line e também pela plataforma do Governo do Estado de São Paulo #CulturaEmCasa, disponível nas lojas Apple Store e Google Play para Iphone e Android.

 

As primeiras atrações do evento serão voltadas para o público infantil. Às 8h, as crianças poderão conferir o espetáculo infantil “Branca de Neve”, da Cia Polichinelo. Em seguida, às 9h, será a vez do mágico Volckane apresentar o espetáculo “Viagem ao mundo da ilusão”. A contação de histórias “Lendas do folclore brasileiro”, com Gigio Mantovani, será às 9h30.

 

Já às 10h, o Fliv será palco para a capoeira, com Leonardo Augusto. A contação de histórias com a Cia Polichinelo será às 10h30, mesmo horário em que acontecerá a oficina “Boneca abayomi em feltro”, com Adriana Reis.

 

Às 11h, serão promovidas a contação de história “O menino e o mar”, com a Cia. Entre Aspas, e a oficina “Arte e dança: jazz iniciante e intermediário”, com Amanda Cunha, Amanda Gratão e Camila Covre. Encerrando a manhã, às 11h30, será promovida a oficina “massinha de modelar”, com Bruna Souza.

 

O primeiro espetáculo do período da tarde será “A vaca que queria voar”, com a Cia Polichinelo, às 13h. O próximo encontro, às 14h, será com o mágico Giovanni Bright, que já participou de vários programas de TV, com destaque para as emissoras Band, Globo, Rede TV, SBT e TV Record.

 

Em seguida, a Cia. Entre Aspas conta a história “Os piratas e o tesouro perdido”. Às 15h, será a vez da oficina de musicalização com Isabela Carvalho e Thais Pestana. Já às 15h30, será realizada a oficina “Arte em sucata”, com Cristina Okoti, Eliana Pavani, Ligia Rodrigues e Rosicler Dourado. A Cia Polichinelo volta ao palco do Fliv para contar histórias às 16h. Finalizando a programação infantil do dia, a Cia. Entre Aspas conta a história “A cidade alegria e os três palhaços”, às 17h30.

Durante toda a programação, o público poderá conferir as surpresas literárias, com Adriana Couto; e a exposição “OSGEMEOS: Segredos”, da Pinacoteca de São Paulo, museu da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo.

 

No período da noite, o grupo Os Partideiros se apresenta das 18h às 19h, quando será realizada a abertura oficial da 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga.

 

Em seguida, às 19h45, será promovido o bate-papo “Entre a escrita e a crítica”, que tem como homenageado Solano Trindade. A escritora convidada Lívia Natália e Fernanda Felisberto, que passou a integrar a curadoria literária do evento, falarão sobre os “rumos” da Literatura Brasileira. Trazendo escritores negros para conversar, essa mesa pretende também fazer refletir e naturalizar a presença de pessoas nos espaços de conhecimento, como críticos, intelectuais e pensadores.

O encerramento do primeiro dia de evento ficará por conta do show “Sophia Ardessore: Quarteto”, que possui um repertório repleto de influências como Gilberto Gil, Tom Jobim e Milton Nascimento.

 

Realização

A 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga será realizada pela Prefeitura de Votuporanga juntamente com o Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo. Os apoiadores são: Organização Social Amigos da Arte, Poiesis Instituto de Apoio à Cultura e a Literatura, Pinacoteca do Estado de São Paulo, Museu da Imagem Som e Museu Casa das Rosas. Patrocinadores: Facchini, Starb, Unifev, Cantoia e Figueiredo, Astra Turismo e Flash Net Brasil. Promoção: TV TEM.


LINKS

Fotos

https://www.flickr.com/photos/fliv/

 

Programação completa

http://www.flivotuporanga.com.br/2019/_arquivo/programacao_2021.pdf


04/08/21

Fliv mostrará megaexposição da dupla OSGÊMEOS de SP

“OSGEMEOS: Segredos” tem classificação livre e oferece experiência virtual em 360º com mais de mil itens


Durante toda a programação da 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga – Fliv, o público poderá conferir a primeira exposição panorâmica da dupla de artistas formada pelos irmãos Otávio e Gustavo Pandolfo (São Paulo, 1974).

A famosa experiência virtual em 360º chamada “OSGEMEOS: Segredos” navega pelos mais de 1.000 itens com cerca de 50 inéditos ou nunca exibidos no país, do rico imaginário dos artistas. O corpo de obras invade a Pinacoteca de São Paulo, ocupando as sete salas de exposições temporárias do primeiro andar, um dos pátios, diversos espaços internos e externos, além de uma instalação, concebida especialmente para o Octógono.

A exibição tem classificação livre e é promovida pela Pinacoteca de São Paulo, museu da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo. Para conferir o tour virtual, acesse (https://www.360up.com.br/tourvirtual/osgemeos/).

04/08/21

Alunos de Votuporanga e região terão aulas com o Fliv on-line

A programação do Flivinho conta com contações de histórias, espetáculos e oficinas


Os alunos da Secretaria da Educação de Votuporanga e de 65 municípios da região terão aulas diferentes nos próximos dias. Dentro da sala de aula e com o uso de lousas digitais eles irão assistir à programação on-line da 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga, que começa nesta quinta-feira e segue até domingo. O Flivinho é um espaço reservado para as crianças com contações de histórias, espetáculos e oficinas.

 

O Secretário Municipal da Educação, Marcelo Batista, explica que os alunos acompanharão a programação do Fliv das salas de aula com lousas digitais e acesso à internet. A iniciativa tem o apoio também do Arranjo de Desenvolvimento da Educação do Noroeste Paulista. “Desde muito tempo, a Secretaria prestigia o evento e, atualmente, por meio do ensino híbrido e o evento on-line, nós encaixamos as atividades oferecidas pelo Festival na grade de conteúdo. Todos os nossos alunos irão acompanhar a programação de acordo com cada faixa etária. Além disso, a parceria com o ADE vem com o intuito de dinamizar e expandir a cultura da nossa região. É um prazer fazer parte e acessar gratuitamente esse cronograma com atividades para as nossas crianças”, afirma Marcelo Batista.

 

Entre as atrações confirmadas estão espetáculos com o mágico Giovanni Brigth, com o mágico Volckane, com a Cia Polichinelo, A Peste Cia Urbana de Teatro e Cia Ouro Velho; contações de histórias com Kiara Terra, Gigio Mantovani e Cia Entre Aspas; e oficinas com Adriana Reis, Bruna Souza, Cristina Okoti, Eliane Pavani, Ligia Rodrigues e Rosicler Dourado; além do sarau infantil com Rodrigo Ciríaco e Coletivo Mesquiteiros.

Para ficar por dentro de todas as novidades do festival, inscreva-se no canal Youtube.com/flivvotuporanga e siga as redes sociais @flivotuporanga. O Festival será transmitido na íntegra pela plataforma do Governo do Estado de São Paulo #CulturaEmCasa, que lançou neste mês um aplicativo, já disponível nas lojas Apple Store e Google Play para Iphone e Android, para facilitar o acesso à cultura na palma da mão.

 

Confira a programação completa: http://www.flivotuporanga.com.br

 

Realização

A 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga será realizada pela Prefeitura de Votuporanga juntamente com o Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo. Os apoiadores são: Organização Social Amigos da Arte, Poiesis Instituto de Apoio à Cultura e a Literatura, Pinacoteca do Estado de São Paulo, Museu da Imagem Som e Museu Casa das Rosas. Patrocinadores: Facchini, Starb, Unifev, Cantoia e Figueiredo, Astra Turismo e Flash Net Brasil. Promoção: TV TEM.


Espetáculo - O Inventor de Sonhos (Cia. Polichinelo) Espetáculo - O Inventor de Sonhos (Cia. Polichinelo) Espetáculo - O Lugar de onde de vê (Cia. Ouro Velho)

03/08/21

Fliv terá mesas de bate-papo com nomes conhecidos da literatura

Os encontros serão promovidos todos os dias durante a programação da 11ª edição do evento on-line 

O Festival Literário de Votuporanga começa nesta quinta-feira (05/08) e contará com 10 mesas de bate-papo. Grandes nomes da literatura, música e arte terão suas obras discutidas por convidados, como a cantora Fabiana Cozza, o compositor Lirinha, a poeta Lívia Natalia, as escritoras Julie Dorrico e Cidinha da Silva e a atriz Fabiana Karla. A mediação será realizada pela curadora literária Ludmilla Lis.

O primeiro encontro será na quinta-feira (05/08), às 19h45, com Livia Natália e Fernanda Felisberto. A ideia principal é trazermos dois autores para dialogar sobre os “rumos” da Literatura Brasileira. Trazendo escritores negros para conversar, essa mesa promete também fazer refletir e naturalizar a presença de pessoas nos espaços de conhecimento, como críticos, intelectuais e pensadores.

Na sexta-feira (06/08), a partir das 19h30, será a vez do bate-papo com as escritoras Julie Dorrico e Ellen Lima. O encontro tem como título o fragmento do poema Vozes-Mulheres, da homenageada Conceição Evaristo e propõe um diálogo entre os saberes dos povos originários e afrodescendentes. A ideia é refletir o presente-passado-futuro, tempos não lineares para esses povos, e as influências de suas escritas para a construção de um mundo plural.

O bate-papo de sábado “Palavra: esporte clube poesia” será com os poetas Lucas Afonso e Luz Ribeiro, com mediação de Rodrigo Ciríaco. Neste encontro, às 15h, os convidados, slammers e atletas da palavra compartilharão suas vivências, reflexões e produções sobre essa arte passional: a poesia.

Também às 15h, o bate-papo “Por um cinema popular: Leon Hirszman, política e resistência” será com o professor Reinaldo Cardenuto, com mediação de Lucas Bandos. Tomando como ponto de partida os estudos do autor sobre a obra do cineasta brasileiro Leon Hirszman (1937-1987), o bate-papo pretende abordar as relações entre cinema e política durante a ditadura civil-militar, além de discutir a importância da resistência cultural, em sua pluralidade, nos dias de hoje.

Em seguida, às 16h, será realizada a mesa “Outros olhares literário”, que tem como homenageada Laerte Coutinho. O encontro com as escritoras Cidinha da Silva e Natália Polesso, com mediação de Ludmilla Lis, comemora a escrita universal, inclusiva e diversa. A proposta é que as convidadas tragam suas opiniões sobre a literatura homoafetiva. Será um diálogo pautado na construção das imagens dos LGBTQIA+.

O último bate-papo de sábado, às 19h, será com o criador da Comic Con Ivan Costa e com o convidado Aleph Eichemberg, com mediação de Marco Prado. A proposta do encontro é fazer uma análise da cultura pop.

No último dia do evento on-line, serão quatro encontros. O primeiro, às 10h, será sobre “O protagonismo do interior paulista no hip hop brasileiro”, com os artistas Edgard Andreatta, Wanderson Sereni e Emerson Sereni, com mediação de Harlen Felix.
Já às 14h, escritores locais conversarão sobre suas obras, desafios e paixões que envolvem a literatura, com mediação de Reynaldo Damazio. 

Em seguida, às 16h, a mesa que homenageará Elza Soares será sobre “Nossos livros são discos”, com Fabiana Cozza e Lirinha e mediação de Ludmilla Lis. A ideia é trazer um diálogo rimado, um repente, um samba, um rap entre os convidados.
Finalizando, a atriz global Fabiana Karla conversará com o público às 18h sobre “Representação e representatividade para além da telinha”. Em entrevista ao vivo mediada pelo jornalista Harlen Felix, a atriz refletirá sobre questões pertinentes da atualidade, revelando o político presente nas artes.

Para ficar por dentro de todas as novidades do festival, inscreva-se no canal Youtube.com/flivvotuporanga e siga as redes sociais @flivotuporanga. O Festival será transmitido na íntegra pela plataforma do Governo do Estado de São Paulo #CulturaEmCasa, que lançou neste mês um aplicativo, já disponível nas lojas Apple Store e Google Play para Iphone e Android, para facilitar o acesso à cultura na palma da mão.

Realização
A 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga será realizada pela Prefeitura de Votuporanga juntamente com o Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo. Os apoiadores são: Organização Social Amigos da Arte, Poiesis Instituto de Apoio à Cultura e a Literatura, Pinacoteca do Estado de São Paulo, Museu da Imagem Som e Museu Casa das Rosas. Patrocinadores: Facchini, Starb, Unifev, Cantoia e Figueiredo, Astra Turismo e Flash Net Brasil. Promoção: TV TEM.

02/08/21

Fliv divulga programação com 90 atividades

Festival começa nesta quinta-feira e marca aniversário de 84 anos de Votuporanga
 
A programação completa da 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga - Fliv está disponível no site oficial do evento, que será on-line entre os dias 5 e 8 de agosto e transmitido na íntegra pelas redes sociais e pela plataforma do Governo do Estado de São Paulo #CulturaEmCasa, disponível nas lojas Apple Store e Google Play para Iphone e Android. 
 
Com cerca de 90 atividades, o Fliv contará com encontros com nomes conhecidos, como a atriz global Fabiana Karla e o criador da Comic Con Ivan Costa, além de um show de encerramento com o cantor e compositor Toni Garrido. Acesse e confira tudo em www.flivotuporanga.com.br

Os artistas locais terão destaque na programação, com contações de histórias com a Cia Entre Aspas; oficina de dança urbana com Ticko B-boy; bate-papo com o artista Edgard Andreatta; bate-papo com escritores locais; e os shows com o Grupo Os Partideiros, Grupo Nossa Teoria, Grupo Jeito Nosso, Banda Musical Zequinha de Abreu, Banca Acústico 2Ms, Banda SP 520, Amadeu Álamo, Canevettes Rock’n Roll Band, LauraMoon e os Lunáticos e Sarah Celi.
 
Neste ano, o evento on-line terá a temática “Infinitudes e Saberes Ancestrais”, refletindo sobre o protagonismo de negros e indígenas na literatura, arte e cultura.
 
A curadora literária será a carioca Ludmilla Lis, mulher negra, mestra em Relações Étnico-Raciais pelo CEFET-RJ, atriz, diretora teatral e performer. Dentre os nomes destacados como pensadores e escritores convidados estão: Lívia Natália; Julie Dorrico; Ellen Lima; Cidinha da Silva, Fabiana Cozza e Lirinha.
 
Flivinho
Neste ano, as crianças terão um espaço reservado para curtir a programação de contações de histórias, espetáculos e oficinas. Entre as atrações confirmadas para o chamado Flivinho estão espetáculos com o mágico Giovanni Brigth, com o mágico Volckane, com a Cia Polichinelo, A Peste Cia Urbana de Teatro e Cia Ouro Velho; contações de histórias com Kiara Terra, Gigio Mantovani e Cia Entre Aspas; e oficinas com Adriana Reis, Bruna Souza, Cristina Okoti, Eliane Pavani, Ligia Rodrigues e Rosicler Dourado; além do sarau infantil com Rodrigo Ciríaco e Coletivo Mesquiteiros.
 
O Flivinho fará parte da programação escolar de Votuporanga e região, por meio da parceria com a rede municipal e com os 65 municípios do Arranjo de Desenvolvimento da Educação do Noroeste Paulista e apoio da Secretaria Municipal de Educação.
 
Realização
A 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga será realizada pela Prefeitura de Votuporanga juntamente com o Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo. Os apoiadores são: Organização Social Amigos da Arte, Poiesis Instituto de Apoio à Cultura e a Literatura, Pinacoteca do Estado de São Paulo, Museu da Imagem Som e Museu Casa das Rosas. Patrocinadores: Facchini, Starb, Unifev, Cantoia e Figueiredo, Astra Turismo e Flash Net Brasil. Promoção: TV TEM.

LINKS

Fotos
https://www.flickr.com/photos/fliv/

Programação completa
http://www.flivotuporanga.com.br/2019/_arquivo/programacao_2021.pdf

29/07/21

Fliv terá bate-papo com criador da Comic Con

Ivan Costa falará sobre a “A Cultura Pop e a Comic Con” na 11ª edição do evento

A 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga tem um espaço reservado para os amantes da cultura pop. No sábado (07/08), às 19h, um dos criadores da CCXP, Ivan Costa, participará de um bate-papo sobre “A Cultura Pop e a Comic Con”, com a participação de Aleph Eichemberg e mediação de Marco Prado.

O encontro on-line será sobre a CCXP Comic Con Experience, evento de cultura pop e entretenimento que, em apenas seis edições, já se firmou como o maior evento do gênero no mundo, reunindo 280 mil pessoas na edição de 2019.

Ivan Freitas da Costa ama quadrinhos desde que se conhece por gente. Enquanto construía uma sólida carreira como executivo de Marketing em empresas como Ericsson, Insper, FAAP e FIAP, encontrou tempo e energia para participar da organização do FIQ – Festival Internacional de Quadrinhos de Belo Horizonte e também para reunir uma vasta coleção de arte, organizada em exposições que já lhe renderam quatro troféus HQMIX. Até que, em 2013, essa paixão reclamou mais do seu tempo e dedicação e, ao lado do amigo Joe Prado, fundou a Chiaroscuro Studios, maior empresa do mundo no agenciamento de quadrinistas representando mais de 60 artistas brasileiros e estrangeiros.

No mesmo ano, cofundou a CCXP Comic Con Experience, além da GameXP, evento em parceria com o Rock in Rio e Rede Globo e da CCXP Cologne, na Alemanha. É também curador de grandes exposições de arte e de cultura pop, entre elas a expo Quadrinhos, no MIS Museu da Imagem e do Som (nov18-mar19), e Batman 80 - A Exposição, no Memorial da América Latina (set19-fev20). Atua ainda como palestrante nas áreas de cultura pop, histórias em quadrinhos e empreendedorismo. Mora em São Paulo, mas seu coração está sempre em Gotham City.

Para ficar por dentro de todas as novidades do festival, inscreva-se no canal Youtube.com/flivvotuporanga e siga as redes sociais @flivotuporanga. O Festival será transmitido na íntegra pela plataforma do Governo do Estado de São Paulo #CulturaEmCasa, que lançou neste mês um aplicativo, já disponível nas lojas Apple Store e Google Play para Iphone e Android, para facilitar o acesso à cultura na palma da mão.

Realização

A 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga será realizada pela Prefeitura de Votuporanga juntamente com o Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo. Os apoiadores são: Organização Social Amigos da Arte, Poiesis Instituto de Apoio a Cultura e a Literatura, Pinacoteca do Estado de São Paulo, Museu da Imagem Som e Museu Casa das Rosas. Patrocinadores: Facchini, Starb, Unifev, Cantoia e Figueiredo, Astra Turismo e Flash Net Brasil. Promoção: TV TEM.

28/07/21

Margareth Menezes e Luedji Luna são atrações confirmadas para o Fliv

Depois da confirmação de Toni Garrido, outras grandes vozes da música brasileira marcarão presença nesta edição do Festival

A 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga vem recheada de lives shows com grandes nomes da música. A mais nova confirmação é da cantora Margareth Menezes, considerada a potência feminina do afropop brasileiro, e que se apresentará no sábado (7/8), às 21h num show virtual para o público. Também está confirmado o show da cantora baiana Luedji Luna na sexta- feira (6/8), às 21h.
  
O tema do Fliv 2021 “Infinitudes e Saberes Ancentrais”, que aborda o protagonismo de negros e indígenas nas mais variadas formas de arte, está diretamente alinhado ao conceito artístico e sociocultural dos 34 anos de carreira da cantora, que é símbolo da representatividade de um fazer musical urbano, com base ancestral fincada nas raízes afro-brasileiras.

Indicada pela quarta vez ao Grammy, a maior premiação de música do mundo, Margareth Menezes atuou também como protagonista em um seriado de streaming voltado para a população negra; e foi nomeada embaixadora do Folclore e da Cultura Popular do Brasil pela IOV/Unesco. Uma das artistas brasileiras mais ouvidas internacionalmente, reverbera em seu trabalho a ancestralidade afro ao mesmo tempo em que se conecta a um vasto universo de possibilidades rítmicas.
 
Na 11ª edição da Fliv, Margareth Menezes apresenta um show eletroacústico, mais intimista, acompanhada pelos músicos Tito Oliveira, na percuteria, e Alex Mesquita, no violão e na guitarra. O show passa por grandes sucessos dos seus 34 anos de carreira e por canções do seu trabalho mais recente, o álbum "Autêntica", lançado em 2019 e indicado ao Grammy Latino. 
 
Para ficar por dentro de todas as novidades do festival, inscreva-se no canal Youtube.com/flivvotuporanga e siga as redes sociais @flivotuporanga. O Festival será transmitido na íntegra pela plataforma do Governo do Estado de São Paulo #CulturaEmCasa, que lançou neste mês um aplicativo, já disponível nas lojas Apple Store e Google Play para Iphone e Android, para facilitar o acesso à cultura na palma da mão.

Luedji Luna
A cantora baiana Luedji Luna em parceria com o MC Zudizilla apresentarão um show inédito reunindo canções de ambos os artistas, incluindo faixas do EP Mundo e o mais recente single em conjunto "Proveito", e também releituras de artistas referência na carreira dos dois. A sutileza vocal de Luedji é envolvida por bases eletrônicas e complementada pelo rap de Zudizilla.

Realização
A 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga será realizada pela Prefeitura de Votuporanga juntamente com o Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo. Os apoiadores são: Organização Social Amigos da Arte, Poiesis Instituto de Apoio a Cultura e a Literatura, Pinacoteca do Estado de São Paulo, Museu da Imagem Som e Museu Casa das Rosas. Patrocinadores: Facchini, Starb, Unifev, Cantoia e Figueiredo, Astra Turismo e Flash Net Brasil. Promoção: TV TEM.

Fotos Margareth: Fernando Torquatto

26/07/21

Artistas locais terão destaque na programação do Fliv

Os grupos Os Partideiros, Nossa Teoria, Jeito Nosso e Zequinha de Abreuestão entre as atrações confirmadas

Umas das marcas registradas do Festival Literário de Votuporanga - Fliv é a participação de atrações locais e regionais na programação, dando oportunidade e visibilidade aos artistas dentro de um dos maiores eventos multiculturais do Estado. Shows com bandas da cidade e atividades diversas estão confirmadas para a 11ª edição do Fliv, de 5 a 8 de agosto.

A programação trará contações de histórias com a Cia Entre Aspas; oficina de dança urbana com Ticko B-boy; bate-papo com o artista Edgard Andreatta; bate-papo com escritores locais; e os shows com o Grupo Os Partideiros, GrupoNossa Teoria, Grupo Jeito Nosso, Banda Musical Zequinha de Abreu, Banca Acústico 2Ms, Banda SP 520, Amadeu Álamo, Canevettes Rock’n Roll Band, LauraMoon e os Lunáticos e Sarah Celi.

As contratações são viabilizadas por meio de iniciativas do Governo do Estado de São Paulo juntamente com a Secretaria de Cultura e Turismo deVotuporanga. “É gratificante o reconhecimento dos talentos que ficam ocultos aogrande público, e assim abrindo espaço e oportunidades, valorizando a importância da classe artística, tão judiada nesses tempos de pandemia”, relata a cantora local Sarah Celi, que ganhou grande repercussão recentemente pelaparticipação nos programas The Voice Brasil (Globo) e Máquina da Fama (SBT).

“Os artistas de Votuporanga terão a oportunidade de apresentar nossa arte nos mais variados segmentos no Fliv. Temos muitos talentos em nossa cidade que contribuirão com a temática do festival este ano e, pela internet, mostraremos ao mundo do que nossas pratas da casa são capazes”, destacou a Secretária e Cultura e Turismo, Janaina Silva.

A programação completa estará disponível no site nos próximos dias. Inscreva-se no canal Youtube.com/flivvotuporanga e siga as redes sociais@flivotuporanga. O Festival será transmitido na íntegra pela plataforma do Governo do Estado de São Paulo #CulturaEmCasa, que lançou neste mês um aplicativo, já disponível nas lojas Apple Store e Google Play para Iphone e Android, para facilitar o acesso à cultura na palma da mão.

 Realização

A 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga será realizada pela Prefeitura de Votuporanga juntamente com o Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo. Os apoiadores são: Organização Social Amigos da Arte, Poiesis Instituto de Apoio aCultura e a Literatura, Pinacoteca do Estado de São Paulo, Museu da Imagem Som e Museu Casa das Rosas. Patrocinadores: Facchini, Starb, Unifev, Cantoia e Figueiredo, Astra Turismo e Flash Net Brasil. Promoção: TV TEM.

Mais fotos: 

https://www.flickr.com/photos/fliv/albums/72157719595977511

20/07/21

Grandes nomes da literatura, música e artes serão homenageados no Fliv

Solano Trindade, Conceição Evaristo, Elza Soares e Laerte Coutinho são os artistas homenageados nos quatro dias de evento

A 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga - Fliv não terá apenas um, masquatro homenageados. Serão quatro mesas de bate-papo virtual em que grandesnomes da literatura, música e arte terão suas obras discutidas por convidados.O poeta Solano Trindade, a escritora Conceição Evaristo, a cantora Elza Soarese a cartunista Laerte Coutinho foram os nomes escolhidos para contextualizar atemática “Infinitudes e Saberes Ancestrais”, que traz uma abordagem acerca daautoria, identidade e luta por espaços no universo artístico.

 

Os bate-papos trarão uma proposta ousada e forte para essa edição do Festival, queserá on-line, mediado pela curadora literária, Ludmilla Lis. A ideia é explanarsobre a identidade e essência da escrita, música e arte produzida peloshomenageados e como essa autoria é importante para a construção da sociedade. Acada dia, um dos nomes citados anteriormente será homenageado nas rodas deconversa com escritores convidados. Dentre os nomes de convidados confirmados,estão: Fabiana Cozza, Lirinha, Livia Natalia, Julie Dorrico, Adriana Couto,Fabiana Carla e Cidinha da Silva.

 

O Fliv já homenageou outros nomes da literatura brasileira, entre eles PedroBandeira, Maria Valéria Rezende, Paula Pimenta, Arnaldo Antunes, Cora Coralina,Manoel de Barros, Vinícius de Moraes e Lygia Fagundes Telles. “Destacaremosautores e autoras negras, resgatando e valorizando a importância da culturaafro e indígena e suas influências em nosso passado, presente e futuro e, suarelevante influência nos mais diversos segmentos culturais e na sociedadebrasileira”, ressaltou Janaína Silva, secretária de Cultura e Turismo deVotuporanga.

 

A programação completa com tema de cada bate-papo estará disponível no site nospróximos dias. Inscreva-se no canal Youtube.com/flivvotuporanga e siga as redessociais @flivotuporanga. O Festival será transmitido na íntegra pela plataformado Governo do Estado de São Paulo #CulturaEmCasa.

 

Homenageados

Solano Trindade

Solano Trindade nasceu em Recife, filho de sapateiro e quituteira, descendente denegros e indígenas. Segundo críticos, foi o grande criador da poesia“assumidamente negra”. Trabalhou também como artista plástico, folclorista,ator, teatrólogo e cineasta. Sua poesia registra a sua biografia marcada pelapaixão pelas mulheres, uma identidade racial e social identificada com negros ecom as classes populares.

 

Conceição Evaristo

Mariada Conceição Evaristo de Brito é Mestre em Literatura Brasileira pela PUC doRio de Janeiro, Doutora em Literatura Comparada na Universidade FederalFluminense e participante ativa dos movimentos de valorização da cultura negrano Brasil. A escritora participa de publicações na França, Líbano, Portugal eEstados Unidos. É uma das mais influentes literatas do movimento pós-modernistano Brasil, escrevendo nos gêneros da poesia, romance, conto e ensaio.

 

Elza Soares

Elza Soares, cantora e compositora brasileira reconhecida pela sua famosa voz rouca,é um dos maiores nomes da música popular brasileira. Em 1999, foi eleita pelaRádio BBC de Londres como a cantora brasileira do milênio. Enfrentou opreconceito ao se posicionar como artista num contexto onde a mulher negra nãotinha vez e voz. A “mulher do fim do mundo” se destacou no mundo da música eganhou espaço e reconhecimento.

 

Laerte Coutinho

Laerte Coutinho é uma cartunista e chargista brasileira considerada uma das artistasmais importantes dessa área no país. Laerte participou de diversas publicaçõescomo a Balão e O Pasquim. Também colaborou com as revistas Veja e IstoÉ e osjornais Folha de S.Paulo e O Estado de S. Paulo. Identificou-se comotransgênero e trouxe o assunto para a mídia, tornando-se cofundadora de umainstituição voltada a pessoas com essa nuance de gênero, a ABRAT – AssociaçãoBrasileira de Transgêneras.

 

Realização

A 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga será realizada pela Prefeiturade Votuporanga juntamente com o Governo do Estado de São Paulo, por meio daSecretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo e Prefeiturade Votuporanga. Os apoiadores são: Associação Paulista Amigos da Arte, PoiesisInstituto de Apoio a Cultura e a Literatura, Pinacoteca do Estado de São Paulo,Museu da Imagem Som e Museu Casa das Rosas. Patrocinadores: Facchini, Unifev,Starbene, Cantoia e Figueiredo, Astra Turismo e Flash Net Brasil. Promoção: TVTEM.

 

Festival Literário de Votuporanga

Realizada desde 2006, a tradicional Feira do Livro de Votuporanga deu espaço, em 2011, aoFliv - Festival Literário de Votuporanga, um dos maiores eventos multiculturaisdo estado, que reúne diversas atividades inteiramente gratuitas, ligadas àliteratura, às artes e à cultura.

 

O festival tem em sua programação, além de bate-papos com grandes nomes daliteratura nacional, sessões de contação de histórias, espetáculos musicais,apresentações teatrais e de dança, oficinas, workshops e espaços voltados paraexposição e venda de livros.

 

Em 2019, o Festival teve recorde de atividades promovidas. Durante nove dias, aprogramação contou com mais de 450 ações, que aconteceram em 17 espaçospreparados para o evento, no Parque da Cultura “Profª Adoração Esteves GarciaHernandez”. Centenas de pessoas, de escolas e entidades da cidade e regiãovisitaram o evento e aproveitaram cada momento de oficinas, exposições,contações de histórias, paradas poéticas, shows musicais, filmes, palestras,atividades recreativas, intervenções, espetáculos teatrais, bate-papo comescritores e praça de alimentação. Em 2020 a edição online já contabiliza maisde 100 mil acessos pelas plataformas digitais.

Mais fotos: https://www.flickr.com/photos/fliv/albums/72157719564395403