NOVIDADES

12/08/15

Espetáculo do FLIV busca doação de alimentos

Interessados em assistir ao espetáculo “Vila Tarsila”, desta sexta-feira (14/8), na 5ª edição do Festival Literário de Votuporanga – FLIV 2015 são convidados a doar um quilo de alimento não perecível que deve ser levado à Coacavo ou Coopevo/Dinâmica. O espetáculo contará a infância da pintora no palco da Concha Acústica “Prof. Geraldo Alves Machado”, às 20h30 encenado pela Cia Druw, dentro do projeto Mosaico na Estrada. As doações serão encaminhadas para entidades assistenciais de Votuporanga.

A iniciativa, do Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Estado de São Paulo – Sescoop/SP, conta com o apoio do FLIV e de três cooperativas – Coacavo (Cooperativa de Agronegócio e Armazenagem de Votuporanga), Sicoob Credlíder (Cooperativa de Crédito) e Coopevo Dinâmica (Cooperativa Regional de Ensino de Votuporanga), além da Secretaria de Cultura e Turismo da cidade.

Em Vila Tarsila, a coreógrafa Miriam Druwe (fundadora da companhia) e a diretora teatral Cristiane Paoli Quito jogam luzes nas memórias de infância da artista, como a educação francesa e as brincadeiras na fazenda da família em Capivari, no interior paulista. Os figurinos dos atores e as imagens projetadas no palco de quadros pintados por Tarsila, como Abaporu e Sol Poente, transportam o público para o seu universo artístico.

Postos de troca:
Coacavo e Sicoob Credlíder - 
Rua São Paulo, 3069 - Centro
Telefone: (17) 3405-9455
Coopevo Dinâmica
Rua Denizart Vidigal, 3620 – Chácara da Aviação
Telefone (17) 3421-8646

12/08/15

Bate-papo com Tico Santa Cruz atrai público jovem para o festival

Vocalista da banda Detonautas Roque Clube, escritor e comentarista assíduo nas redes sociais, Tico Santa Cruz esteve no Festival Literário de Votuporanga – FLIV 2015, na tarde desta terça-feira (11/08), comandando um bate-papo sobre o trabalho como músico e temas como política, literatura e comportamento.

A conversa ocorreu na Concha Acústica “Prof. Geraldo Alves Machado” e reuniu um público predominamente jovem vindo de várias cidades da região. Tico enfatizou assuntos como a importância de se questionar a realidade em que vivemos e a necessidade de se incentivar a criticidade por meio da leitura e de uma análise atenta dos fatos.

Num diálogo descontraído, e com ampla participação do público, foram abordadas questões de grande relevância e atualidade. A discussão englobou tópicos como a legalização das drogas, redução da maioridade penal, homofobia, tolerância religiosa, aborto, pena de morte, a influência da mídia sobre a sociedade e a importância da internet e das redes sociais para a expressão de opiniões.

A plateia teve a oportunidade de fazer perguntas e pôde experimentar um contato mais próximo com o convidado. A estudante Larissa Schinelo, 15 anos, de Neves Paulista, afirmou que o bate-papo “foi uma experiência incrível” e destacou a importância do FLIV para o público jovem: “A maioria desses jovens poderia estar na rua fazendo outras coisas, mas eles têm a grande oportunidade de vir aqui e ouvir pessoas ótimas, como o Tico”. Já Marcela Rigo Nazaré, 17 anos, de Votuporanga, diz que “a presença de convidados influentes, como Tico Santa Cruz, incentiva os adolescentes a virem para o FLIV e se interessarem também por livros e debates importantes”.

Tico Santa Cruz fundou, em 1997, a banda Detonautas Roque Clube, da qual é vocalista. Conhecido como um dos poucos artistas a se manifestar abertamente sobre temas da política brasileira em postagens nas redes sociais, Tico também é autor de três livros: “Pólvora”, “Clube da Insônia” e “Tesão”.


10/08/15

Mais de 10 mil passam pelo FLIV nos três primeiros dias

O primeiro final de semana do Festival Literário de Votuporanga – FLIV 2015 foi marcado por muita música, brincadeiras e presença de grandes nomes da literatura. A organização estima que mais de 10 mil pessoas passaram pelos espaços do festival e prestigiaram os shows de Demônios da Garoa, Rolando Boldrin e Iaiá-Me-Sacode, além do Sarau de Prosa com Paulo Lins, Ana Maria Gonçalves e André Sant’Anna e a roda de conversa com Caco Barcellos.

A programação contou ainda com oficinas de instrumentos e musicalização, contação de histórias, feira de troca de livros, espetáculo teatral com Con Lopes e o Grupo de Câmara da Escola Municipal de Artes.

Um público de cerca de 800 pessoas ouviu atento às considerações do escritor e jornalista da Rede Globo, Caco Barcellos que falou sobre as dificuldades do jornalista no mundo atual, mas também da satisfação em poder mudar “pelo menos uma parte da história” com suas reportagens investigativas de âmbito sério e cuidadoso. Ao fim do bate-papo, Caco Barcellos atendeu a todos com autógrafos e fotos no espaço Cine FLIV. “Não conhecia o festival e fiquei surpreendido com a atenção do público. Agradeço a oportunidade dessa troca de informações promovida pelo festival”, disse.

Elogios ao festival também foram feitos por Rolando Boldrin, assistido no sábado, por cerca de 5 mil pessoas. “Sempre levamos nosso espetáculo para casas de teatro, mas hoje estamos aqui neste espaço aberto a todos, com total integração ao público. Gostei muito e estou surpreso com o respeito do público”. No show, Boldrin fez questão de cantar parabéns à Votuporanga que completou, no sábado, 78 anos. O grupo Demônios da Garoa agradeceu a presença de todos no show de sexta-feira e comentou da possibilidade de gravar um trabalho na cidade. “A plateia daqui foi muito acolhedora. Queremos voltar e, quem sabe, até gravar um DVD em Votuporanga”.

“Iáiá-Me-Sacode” encerrou o domingo no FLIV com show no palco da Concha, celebrando a cultura popular brasileira, passeando pelo chorinho, samba de partido alto, samba de roda, baião, entre outros ritmos tradicionais e contemporâneos.

Mosaico

As atividades do FLIV continuam até o próximo sábado (15/8), das 8h às 22h. Uma das aguardadas atrações da semana é o Mosaico na Estrada, projeto cultural do Sescoop/SP, que apresenta pela primeira vez um espetáculo de dança contemporânea no interior de São Paulo. O “Vila Tarsila”, que conta a infância da pintora modernista Tarsila do Amaral, encenado pela CiaDruw, será apresentado no penúltimo dia do evento (14), às 20h30, na Concha Acústica “Geraldo Alves Machado”. A companhia pede a doação de um quilo de alimento não perecível, que poderá ser entregue ao longo desta semana na Coacavo e Coopevo Dinâmica. As doações serão revertidas em benefício de entidades assistenciais do município.

A presença do Mosaico é uma iniciativa doSescoop/SP com o apoio de três cooperativas – Coacavo (Cooperativa de Agronegócio e Armazenagem de Votuporanga), Sicoob Credlíder (Cooperativa deCrédito) e Coopevo Dinâmica (Cooperativa Regional de Ensino de Votuporanga) e da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo. 

A programação completa do FLIV está disponível em www.flivotuporanga.com.br

Serviço

Vila Tarsila

Cia Druw

Recomendação: Livre

Local: Concha Acústica Geraldo AlvesMachado 

Data: 14 de agosto

Horário: 20h30

Ingresso: 1 kg de alimento nãoperecível

 

Postos de troca:

Coacavo e Sicoob Credlíder -

Rua São Paulo, 3069 - Centro

Telefone: (17) 3405-9455

 

Coopevo Dinâmica

Rua Denizart Vidigal, 3620 – Chácara da Aviação

Telefone (17) 3421-8646

 

08/08/15

Sarau de Prosa traz famosos escritores para primeira tarde do FLIV

Um empolgante Sarau de Prosa, no Galpão Fliv, abriu aprimeira tarde do Festival Literário de Votuporanga deste ano com a presença de três importantes vozes da prosa brasileira atual: Ana Maria Gonçalves, PauloLins e André Sant’Anna, sob mediação de Heitor Ferraz Mello. Com a leitura detrechos de suas obras cheias de estilo e tonalidades diferentes, os escritores trataram de assuntos que mostram a vida brasileira, numa relação intensa entre realidadee ficção.

Heitor, mais uma vez mediador e curador do FLIV, apresentou os convidados, falando um pouco de seus trabalhos: Ana Maria Gonçalves, uma das mais importantes autoras brasileiras, dona dos romances “Ao lado e à margem doque sente por mim” e “Um defeito de cor”;  Paulo Lins, poeta, roteirista e autor do premiado “Cidade de Deus”, que foi levado às telas pelo cineasta Fernando Meirelles e, atualmente, colabora no roteiro da novela I Love Paraisópolis; e AndréSant’Anna, um dos autores mais talentosos da literatura brasileira atual, por possuir narrativas breves e irônicas, desmontando o discurso do bem-estar brasileiro, eexpondo toda a sua perversão nos livros “O paraíso é bem bacana”, “Sexo e Amizade” e “O Brasil é bom”.

O próximo encontro do público com grandes escritores brasileiros acontece neste domingo, às 18h, na Concha Acústica, onde todos poderão acompanhar um bate-papo com o escritor e jornalista da Rede Globo, Caco Barcellos

08/08/15

Primeira noite do FLIV tem lançamento de projetos e público de 3 mil pessoas

Samba de qualidade e o anúncio de projetos culturais marcaram a primeira noite do Festival Literário de Votuporanga , na noite desta sexta-feira (7/8), no palco da Concha Acústica "Prof Geraldo Alves Machado". Um público de cerca de 3 mil pessoas assistiu à abertura da 5ª edição e ao animado show de Demônios da Garoa.

O prefeito Junior Marão anunciou o “FLIV Itinerante”, como uma biblioteca móvel que percorrerá oito cidades, e falou sobre a importância cultural do festival. “Até dia 15 de agosto, o público poderá participar de rodas de conversa com escritores, espetáculos teatrais e de circo, apresentações de dança, sessões de cinema, oficinas de escrita, contação de histórias, feira de troca de livros, exposição de livros para venda, feira do artesanato e muito mais”.

Para a representante da Noble Agri, Joana Blanco, “a usina investe e apoia iniciativas como esta (FLIV Itinerante) e acredita que é investindo em educação e cultura que o Brasil se tornará um lugar melhor”.

O deputado estadual Carlão Pignatari, apoiador do evento, salientou que “o FLIV é um festival feito para a toda a comunidade, que enriquece a cultura e leva o nome da cidade para todo o país”.

Já a secretária de Cultura e Turismo, Silvia Stipp, agradeceu ao apoio de todas as autoridades presentes e à população de Votuporanga, por acreditar neste projeto, e fazer com que o FLIV seja um festival do tamanho que ele merece ser. A secretária falou ainda sobre o projeto "Embarque nessa Viagem", do Expresso Itamarati, que, a partir deste sábado, oferecerá livros em 3 linhas nos ônibus circulares: Colinas-Noroeste; Parque Santa Amélia-Assary e Pozzobon-Estação. Os livros estarão à disposição dos passageiros para a leitura no percurso.

Representando a Câmara Municipal, Douglas Lisboa ressaltou a importância de Votuporanga pensar neste lado cultural, para não só formar seres humanos, mas cidadãos conscientes. Ele também aproveitou para elogiar o comando da atual Secretaria de Cultura.

FLIV
As atividades do FLIV serão desenvolvidas das 7h30 às 22 horas, de segunda à sexta-feira; e das 9h às 22h aos sábados e domingo. A programação completa está disponível no site www.flivotuporanga.com.br e também está no Caderno FLIV distribuído em versão impressa no Galpão das livrarias.


07/08/15

Rolando Boldrin canta no aniversário de Votuporanga

No show, intitulado “História de Amar o Brasil”, estarão vários elementos conhecidos do programa Sr. Brasil, da TV Cultura

Cantor, ator, compositor e conhecido pela apresentação do programa Sr. Brasil, Rolando Boldrin chega a Votuporanga, neste sábado (8/8), para o show do aniversário da cidade. O convite ao famoso contador de causos foi feito pelo prefeito Junior Marão buscando reunir um grande público para a apresentação na Concha Acústica “Profº Geraldo Alves Machado”, sem cobrança de convites. O show terá início às 20h30 e está inserido na programação do Festival Literário de Votuporanga – FLIV 2015.

Com humor, bom gosto e fidelidade às coisas simples, Boldrin apresentará em Votuporanga causos, toadas e canções que contam sobre a vida de vários tipos brasileiros. Um dos maiores defensores da música caipira, ele se divide entre a gravação do programa na TV Cultura e viagens pelo país em que divulga a cultura do interior e seu ritmo mais conhecido.

No show, intitulado “História de Amar o Brasil”, estarão vários elementos conhecidos do espectador do programa Sr. Brasil. No cenário, algumas peças que remetem à vida sertaneja como cadeira de palhinha, rádio antigo e alguns outros objetos cênicos. De posse de seu violão, contará causos e cantará canções caipiras de cateretês, toadas e modas, incluindo sambas antológicos. Em um de seus depoimentos sobre o espetáculo, Rolando Boldrin disse: “Acho mesmo, como um doce privilégio do destino, que nasci foi pra isso mesmo. Ser um encarregado de dar murro em ponta de faca em favor das coisas da nossa terra”.

Além disso, o artista prestará uma homenagem ao poeta brasileiro, Manoel de Barros, escolhido pela organização para ser lembrado na edição 2015 do FLIV. O último maior poeta a nos deixar, o mato-grossense, se foi em 13 de novembro de 2014, aos 97 anos, e nos legou a lição de que a poesia é o brincar com as palavras. “O Fliv completa 5 anos, a idade de uma criança dos poemas manoeleses, e no ano de 2015 homenageia o poeta que gosta de fazer travessuras com as palavras, pois a Palavra poética tem que chegar ao grau de brinquedo para ser séria’” – trecho do texto de abertura do Caderno de Programação do festival.

PROGRAMAÇÃO DESTE SÁBADO

08/AGOSTO
SÁBADO
(ANIVERSÁRIO DA CIDADE)
9h às 22h Feirinha Fliv
Feira de Troca de Livros do Senac
 
9h, 13h e 14h Galpão Fliv
Contação de histórias
Com Gabriela de Carvalho
Classificação: 0 a 10 anos
 
9h30 e 19h30 Galpão Fliv
Oficina de instrumentos e musicalização
Com Jussara Belloni
Classificação: 0 a 10 anos
 
10h Praça Cívica “Prof. Benedito Lopes de Oliveira”
Roda e aulão de Capoeira
Com grupo Alvorada e SMEL – Secretaria Municipal de Esporte e Lazer
 
10h e 11h Galpão Fliv
Contação de histórias
Com Alvaro Rovares
Classificação: 0 a 10 anos
 
15h Feirinha Fliv
Espetáculo O Circo
Cia Entre Aspas
Apoio: Senac Votuporanga
Classificação: Livre
 
15h30 Escola Municipal de Artes
Oficina de Escrita Criativa
Com Isabela Preto Junqueira
 
16h Feirinha Fliv
JAM Danças Urbanas
Com Ticko Bboy Brasil, Marcelo Biorki e DJ Bocka
 
17h30 Galpão Fliv
Sarau de Prosa
(mediação e curadoria de Heitor Ferraz Mello)
Três importantes vozes da prosa brasileira atual, Ana Maria Gonçalves, Paulo Lins e André Sant’Anna promoverão um sarau com leitura de trechos de suas obras.
 
20h30 Concha Acústica “Prof. Geraldo Alves Machado”
Show Rolando Boldrin
Espetáculo “História de Amar o Brasil”

06/08/15

Festival Literário de Votuporanga começa nesta sexta-feira

O aniversário de Votuporanga será comemorado com livros, teatro, circo, música e várias outras manifestações artísticas. A cidade, que completa 78 anos neste sábado (8/8), é palco de um dos mais importantes eventos culturais do estado de São Paulo. Começa nesta sexta-feira e segue até o dia 15 de agosto, o Festival Literário de Votuporanga – FLIV 2015.

A quinta edição do festival pretende reunir, na praça “Dr. Fernando Costa” e na Concha Acústica “Prof. Geraldo Alves Machado”, um público diversificado de crianças, jovens, adultos e idosos vindos de várias cidades da região. Em 2014, registrou um público de 60 mil pessoas.

Serão nove dias e 130 horas de atividades totalmente gratuitas, promovidas numa área de quase 2 mil m² no centro comercial da cidade com o intuito de ser um evento interativo, voltado para a formação de leitores e disseminação da cultura.

A programação será aberta com o show de Demônios da Garoa, grupo com mais de 70 anos de formação conhecidos por interpretar Adoniran Barbosa e grandes sucessos do samba. A banda se apresenta no palco da Concha Acústica, na sequência da abertura oficial com as autoridades, marcada para as 20 horas.

No sábado (8/8), o festival começa as atividades por volta das 9 horas e segue até à noite com o grande show de Rolando Boldrin, às 20h30. O famoso contador de causos e defensor da cultura caipira foi convidado pela Prefeitura de Votuporanga para festejar o aniversário da cidade.

As atividades do FLIV serão desenvolvidas das 7h30 às 22 horas, de segunda à sexta-feira; e das 9h às 22h aos sábados e domingos. A programação completa está disponível no site www.flivotuporanga.com.br e também estará no Caderno FLIV distribuído em versão impressa para os visitantes. O público poderá participar de rodas de conversa com escritores, espetáculos teatrais e de circo, apresentações de dança, sessões de cinema, oficinas de escrita, contação de histórias, feira de troca de livros, exposição de livros para venda, feira do artesanato e muito mais. Zélia Duncan encerra o festival no dia 15 de agosto, às 20h30, no palco da Concha.

Organização

O Festival Literário de Votuporanga – FLIV 2015 é realizado pelo Instituto Comuna e Prefeitura de Votuporanga, com apoio da Associação Paulista dos Amigos da Arte (Apaa), da Abaçai Cultura e Arte - Organização Social de Cultura, Governo do Estado, Deputado Carlão Pignatari e Senac Votuporanga; patrocínio do Supermercado Porecatu e HSA Logística e Transportes por meio do Programa de Ação Cultural –ProAC/ICMS e ainda Banco do Brasil; promoção TV TEM.

05/08/15

FLIV disponibiliza caderno de programação para download

De 7 a 15 de agosto, a região central de Votuporanga será invadida por uma intensa programação cultural com artistas, escritores e músicos divulgando a arte e incentivando a formação de leitores. Para colaborar com quem pretende acompanhar os nove dias de atividades do Festival Literário de Votuporanga – FLIV 2015, a organização divulgou nesta quarta-feira (5/8) o Caderno de Programação com informações das datas, horários e locais de cada atração.

O livreto de mais de 40 páginas está disponível para download no site oficial do festival – www.flivotuporanga.com.br  e a versão impressa será distribuída gratuitamente para o público visitante.

Um artigo especial sobre o poeta homenageado no FLIV 2015, Manoel de Barros, abre a publicação com trechos das obras do escritor morto em novembro de 2014. “O Fliv – Festival Literário de Votuporanga completa 5 anos, a idade de uma criança dos poemas manoeleses, e no ano de 2015 homenageia o poeta que gosta de fazer travessuras com as palavras, pois a ‘Palavra poética tem que chegar ao grau de brinquedo para ser séria’”.

Espaços FLIV

Todas as atividades informadas no Caderno serão em espaços montados na Concha Acústica “Prof Geraldo Alves Machado” e praça Dr. Fernando Costa: Galpão Livrarias, na praça, com presença das livrarias Espaço, Premier e Saraiva; Galpão FLIV, na praça, com sarau, atividades para crianças e oficinas de musicalização; Feirinha FLIV, na praça, com  área de alimentação, troca de livros do Senac, espetáculos teatrais e venda de artesanato pelas entidades assistenciais; palco da Concha Acústica com shows e bate-papos; Cine Fliv, no vão livre da Escola de Artes, para exibição de filmes adultos e infantis e bate-papos com escritores; oficinas serão realizadas na Escola Municipal de Artes. O FLIV Itinerante ficará estacionado na rua Alagoas, ao lado da Concha Acústica. No sábado, às 10 horas, haverá roda e aulão de capoeira do grupo Alvorada e Secretaria Municipal de Esporte e Lazer na praça “Prof. Benedito Lopes de Oliveira”, em frente à Concha.

Escritores regionais

Para divulgar escritores da nossa região, o FLIV abriu espaço para publicação de contos e crônicas nas páginas do Caderno. Na edição 2015, foram selecionados os textos de Bruno Latorre, 26 anos, de Votuporanga; Cleber Junior Falquete, 39 anos, de São José do Rio Preto; Ester Alkimim, 38 anos, de Votuporanga; Isabela Preto Junqueira, 25 anos, de Votuporanga; João Pedro Liossi, 19 anos, de São José do Rio Preto; Lucas Gatto, 28 anos, de Votuporanga; Merli Maria Garcia Diniz, 69 anos, de São José do Rio Preto; Nelsinho Bertoni, 51 anos, de Bady Bassitt; Orivaldo Grandizoli, 62 anos, natural de Votuporanga e residente de São José do Rio Preto; Sidnei Olivio, 55 anos, de São José do Rio Preto e Ubirathan do Brasil, 29 anos, de Auriflama. Para quem está se iniciando na arte, a professora Isabela Junqueira ministrará a oficina “Escrita Criativa”.

Shows

Três grandes shows prometem atrair um grande público para a Concha Acústica “Prof Geraldo Alves Machado”: Demônios da Garoa, dia 7; Rolando Boldrin comemora o aniversário da cidade no dia 8; e Zélia Duncan encerra a festa no dia 15 de agosto. Todos a partir das 20h30.

Roda de conversa com escritores

Importantes vozes da prosa brasileira atual, Ana Maria Gonçalves, Paulo Lins e André Sant’Anna promoverão no dia 8 de agosto, sábado, às 17h30, o Sarau de Prosa. No dia 9 de agosto, domingo, às 18h, o jornalista e escritor Caco Barcelos falará com o público sobre sua experiência junto ao programa Profissão Repórter e suas publicações com especialidade em jornalismo investigativo e e documentário. Dia 11, terça-feira, às 16h, é a vez do vocalista da banda Detonautas, Tico Santa Cruz. Ainda no dia 11, às 19h30 será possível acompanhar a explanação da jornalista de moda, escritora e  personal stylist Tita Aguiar, convidada pelo Senac Votuporanga. O humorista Reinaldo, ex- Casseta&Planeta, receberá o público no dia 13, quarta-feira, às 19h30, para falar sobre sua carreira no humor, livros, quadrinhos e música.No sábado, dia 15, último dia do Festival em Votuporanga, um Sarau Poético reunirá às 17h30 três destacados poetas da atualidade: Alice Ruiz, Micheliny Verunschk e Ricardo Aleixo. O educador Geraldo Peçanha lançará o livro “O Anjo de Bicicleta” para crianças de 10 a 11 anos na Escola Municipal de Artes.

Drummond e Tarsila

O espetáculo “Cartas de Maria Julieta e Carlos Drummond de Andrade” trará de São Paulo a atriz Sura Berditchevsky com um monólogo sobre meio século de correspondência entre um dos mais importantes poetas brasileiros, Carlos Drummond de Andrade e sua filha, a cronista Maria Julieta Drummond de Andrade, retratando as emoções contidas em suas linhas e entrelinhas. A peça já foi apresentada no Festival Literário de Paraty – FLIP. O projeto Mosaico na Estrada apresenta o espetáculo Vila Tarsila, da companhia Druw, sobre Tarsila do Amaral.

Bandas regionais

Além de trazer grandes nomes da música e da literatura, o FLIV busca valorizar o talento também dos artistas regionais. A banda “Varal de Renda”, de S.J. do Rio Preto e os grupos votuporanguenses “Ia, ia me sacode”, JAM Danças Urbanas (Ticko Bboy Brasil, Marcelo Biorki e DJ Bocka), Orquestra Projeto Sinfônico, grupo de Câmara e grupo Canto Livre da Escola Municipal de Artes; e a Corporação Musical Zequinha de Abreu, todos de Votuporanga, irão se apresentar no palco da Concha e outros espaços. Para incentivar a música com crianças de 0 a 10 anos, Jussara Beloni ministrará oficinas de instrumentos e musicalização em variados dias no Galpão FLIV.

Visita ilustre

Kaciane Marques Nascimento, de 10 anos, ficou conhecida depois de uma matéria exibida pela TV TEM, que a fez conseguir, por meio de apoiadores, montar uma biblioteca nos fundos de casa para os moradores do bairro. No Fliv, Kaciane foi convidada para falar sobre sua iniciativa aos alunos da rede municipal de ensino.

Contação de histórias

Haverá ainda contação de histórias com as companhias Fábrica de Sonhos, Entre Aspas e Com Con Lopes. Os votuporanguenses Gabriela de Carvalho e Álvaro Rovares estão entre os artistas que utilizarão muita imaginação, objetos do cotidiano e uma ajuda do público presente para encantar crianças e adultos.

Circo-teatro

O circo invadirá a praça da igreja Matriz no espaço Feirinha Fliv. Serão apresentados os espetáculos Circo Lando da Cia Fábrica dos Sonhos e O Circo da Cia Entre Aspas (apoio Senac Votuporanga). Mágicas, palhaços e muitas brincadeiras irão surpreender os visitantes do FLIV. No mesmo espaço da Feirinha Fliv, o Senac montará a Feira de Troca de Livros.

Cultura urbana

Marcelo Biorki ministrará uma oficina de rima em que os participantes aprenderão mais sobre a cultura do Rap e também a criar suas próprias poesias e letras de música. Já o rapper Renan Inquérito fará uma parada poética especial a Manoel de Barros. A companhia Fulano de Tal (Ticko Boy) apresentará  o espetáculo de Danças Urbanas que reflete sobre o comportamento típico do cidadão brasileiro e o jeito singular de viver acelerado e um tanto confuso.

Artes cênicas

O Núcleo de Iniciação às Artes Cênicas estará presente pelo segundo ano consecutivo no FLIV realizando intervenções e performances artísticas durante as tardes e noites em vários pontos da Praça da Matriz e Praça Cívica, Obelisco e Fonte Luminosa, em todos os dias do evento. O trabalho é coordenado por Graziella Fuscaldo e a produção e pesquisa desenvolvidas por alunos que abordam os mais variados temas e linguagens do universo artístico como poesia, contos infantis, resgate de brincadeiras infantis e cantigas de roda, teatro lambe-lambe e interações urbanas. O NIAC é um projeto da Prefeitura de Votuporanga, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo, desde 14 de Setembro de 2013.

Filmes

No Cine FLIV crianças e adultos poderão assistir, gratuitamente, a diversas sessões. Serão exibidos os filmes infantis Ponyo - Uma Amizade que Veio do Mar, Meu Amigo Totoro, Kiriku e a Feiticeira e O Reino dos Gatos. Na categoria adulta, sessões de Só Dez por Cento é Mentira (sobre Manoel de Barros) e Janela da Alma.

Brinquedos

A brinquedoteca Móvel Bibi Fom Fom percorrerá os espaços do festival com brinquedistas preparados para desenvolver atividades específicas para cada idade (0 a 10 anos). Mães e gestantes também terão uma atenção especial com as ações da Semana do Bebê. 


04/08/15

Escolas da região podem agendar visita ao festival

Contação de histórias, encontro com escritores, espetáculos teatrais e muitas outras atividades aguardam crianças e jovens no Festival Literário de Votuporanga que começa na próxima sexta-feira (7/8), às 20 horas, e segue até o dia 15 de agosto. A organização montou um esquema especial de recepção às caravanas de escolas da cidade e região.
 
Interessados em trazer ao FLIV 2015 grupos escolares das redes pública ou particular de ensino devem agendar a data e horário. “Com este controle, poderemos receber a todos com conforto e com uma programação direcionada que atenda aos anseios de cada faixa etária”, comenta a responsável pelo receptivo do festival, Karina Moraes.
 
Já confirmaram presença, cidades de Araçatuba, Ouro Verde, Cardoso, São José do Rio Preto e de muitos outros municípios da região. Estima-se que mais de 15 mil estudantes passem pelo festival nos nove dias do evento. A oferta dos ônibus e transporte dos estudantes ficam sob a responsabilidade das escolas.
 
O agendamento deve ser feito pelo (17) 99132-5445 ou karina@aportte.com com Karina Moraes.
 
Tico Santa Cruz
Uma das opções para grupos escolares é a participação nas rodas de conversa com escritores. Dia 11, terça-feira, às 16h, por exemplo, o vocalista da banda Detonautas, Tico Santa Cruz, vai bater um papo, focado no público jovem, sobre o trabalho com a música e a fundação da banda, além de temas como política, literatura e comportamento. Também devem permeiar a conversa os polêmicos livros escritos por ele e as postagens nas redes sociais em que Tico expressa opiniões políticas de maneira independente e crítica.
 
Galpão FLIV
As escolas também podem visitar o galpão FLIV voltado ao público infantil. O espaço terá puffs, tapetes e colorida cenografia para contação de histórias com artistas locais, músicas, atividades de ilustração e desenho com monitores, brincadeiras circenses e apresentações teatrais da companhia Fábrica de Sonhos (de Votuporanga).
 
Doação de livros
Os estudantes que visitarem o FLIV ganharão exemplares das adaptações dos livros ‘O Alienista’, de Machado de Assis e ‘A Pata da Gazela’ de José de Alencar. A doação de 30 mil livros foi feita pela escritora, responsável pelas adaptações, Patrícia Engel Secco, e pelo Instituto Brasil Leitor e Senac Votuporanga. As obras têm uma linguagem acessível ao público juvenil e adulto ou para quem está se iniciando no mundo da literatura.
 
Workshop
O educador Geraldo Peçanha de Almeida (de Curitiba) estará no FLIV com atividades de contação de histórias e para o lançamento do livro “O Anjo da Bicicleta”, assinado por ele e dirigido a crianças de 10 a 11 anos.
 
Mosaico na Estrada
Outra atividade para os jovens será a apresentação do projeto cultural do Sescoop/SP com o espetáculo “Vila Tarsila”. O grupo contará a infância da pintora modernista Tarsila do Amaral, encenado pela Cia Druw. A apresentação será no dia 14, às 20h30. Em Vila Tarsila, a coreógrafa Miriam Druwe (fundadora da companhia) e a diretora teatral Cristiane Paoli Quito jogam luzes nas memórias de infância da artista, como a educação francesa e as brincadeiras na fazenda da família em Capivari, no interior paulista.

03/08/15

FLIV Itinerante levará livros e cultura para oito cidades da região

Biblioteca móvel terá mais de 1 mil livros, espaço para sessões de cinema e atividades culturais ; ônibus percorrerá sete cidades da região e bairros de Votuporanga

No dia 15 de agosto, se encerra o Festival Literário de Votuporanga. No entanto, as ações de incentivo à leitura terão continuidade com o “FLIV Itinerante – Leitores do Futuro”. A biblioteca móvel montada dentro de um ônibus será apresentada pelo prefeito Junior Marão na sexta-feira (7/8) durante a abertura do evento. A iniciativa, considerada inédita na região Noroeste Paulista, tem o patrocínio da Noble Agri, através do Programa de Ação Cultural – Proac/ICMS, Governo do Estado de São Paulo; da Expresso Itamarati; e apoio do Auto Posto Vilar, Ipiranga e Prefeitura.

O FLIV Itinerante percorrerá bairros de Votuporanga e sete cidades da região: Tabapuã,  Potirendaba, Parisi, Valentim Gentil, Novais, Magda e Sebastianópolis do Sul.

O ônibus foi totalmente reestruturado e recebeu projeto visual de identificação. Prateleiras serão montadas para exposição de 1.280 livros da literatura infanto-juvenil. “A formação de leitores é nosso principal objetivo. Por isso, a programação de visitas privilegiará as escolas e lugares de concentração de crianças e jovens”, explica a coordenadora do FLIV, Cibeli Moretti.

Além de oferecer as obras para leitura, o FLIV Itinerante terá equipamentos multimídia para sesssões de cinema com filmes educativos e promoverá atividades culturais e artísticas com a comunidade. Monitores farão o acompanhamento e controle de empréstimo de livros.  Entre os autores, estarão nomes como Monteiro Lobato, Manoel de Barros (homenageado no FLIV 2015), Mário de Andrade e Adélia Prado.

“O FLIV Itinerante é um evento literário que estará próximo da população, promovendo inclusão social por meio do livre acesso à informação”, destaca a Secretária de Cultura e Turismo de Votuporanga, Silvia Stipp. A programação de visitas do FLIV Itinerante será divulgada previamente para que todos participem.